São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 25/06/2020

Atletas não querem ‘carregar obrigação’ de correr em 2020, afirma organizador

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

Atletas na 23 de Maio durante SP City Marathon (Esportividade)

Observação (feita às 8h30 de 26 de junho): o resultado da enquete sobre a São Silvestre já foi divulgado; confira-o em Maioria acredita em São Silvestre-2020 cancelada ou sem amadores ‘in loco’.

Começou a ser percebida pelos organizadores de corridas de rua uma tendência: a de que os atletas já estão abrindo mão de participar de provas em 2020, uma consequência da pandemia de covid-19. Paulo Carelli, diretor da Iguana Sports, revelou que são crescentes os pedidos de transferência de inscrição para eventos de 2021.

Segundo o organizador de SP City Marathon, Athenas e WRun, por exemplo, quando a empresa informa o corredor de que existe essa opção, ele sente-se aliviado, pois, mesmo que as provas sejam retomadas ainda em 2020, muitos não estão a fim de participar delas – por receio do novo coronavírus ou falta de treino.

Descida da 23 de Maio na SP City Marathon (Esportividade)

“As pessoas estão sentindo que não é mais algo prazeroso estarem inscritas em um evento que, de repente, vai acontecer em agosto, em setembro ou mesmo outubro [maratona]. Elas não querem mais carregar essa obrigação”, disse Paulo em vídeo do Corrida pra Você (#Movimento Corrida Solidária). “Recebemos mais e-mails pedindo garantia de inscrição para 2021 [do que os de tentativa de reembolso].”

O diretor da Iguana Sports ainda afirmou que julho é o mês-chave para uma decisão final sobre a SP City Marathon, por enquanto prevista para 11 de outubro de 2020, e que, quando for autorizada pela prefeitura uma retomada, ela será gradual, começando com um evento-teste para menos de mil pessoas, e seguindo o protocolo que for aprovado pelo governo municipal.

Corrida Solidária:
Movimento angaria doações para ‘staffs’ de corrida, sem trabalho desde março

Comentários


  • sinto falta das corridas nas manhãs de domingo,encontrar os companheiros bater papo e tirar fotos divertidas,mas mesmo que as medidas restritivas fiquem mais maleáveis não sei se participaria de uma prova presencial antes que uma vacina esteja disponível para garantir que pelo menos os efeitos do covid-19 sejam atenuados.

  • Jaime Ricardo Ramos Barbosa disse:

    Devemos sim ter todo direito de recusamos a competir por causa dessa epidemia.

  • Marília Paula disse:

    Não sei quem são esses atletas q não querem, pois na minha cidade e região só vejo o pessoal querendo q volte logo. Todos seguem treinando c consciência e responsabilidade. É simples, segue os protocolos de segurança, se adaptem. Acho justo ter a opção de mudar p o ano q vem, mas sem prejudicar quem prefere seguir esse ano.
    Como em todas as atividades do cotidiano teve adaptações, mas competições oficiais tb deverá ter. São novos tempos, não adianta ficar sonhando c o passado. Adaptação e vida q segue.

  • Daniel Fontoura disse:

    Oi Andrei, bom dia!

    Eu estou inscrito na 7 Run, distância 21k e mandei mensagem perguntando se dava para trocar para SP City Marathon em Outubro, mesma distância. (justifiquei que fica difícil treinar sem saber quando a prova acontecerá e que a preparação seria melhor se tivesse uma data definida)

    Infelizmente disseram que não posso trocar de prova e devo aguardar remarcação.
    E não permitem cancelamento e reembolso.

    Eles podiam ser mais flexíveis nesse momento né…

    • Esportividade disse:

      Olá, Daniel! Pelo que sabemos, eles vão lançar em breve os eventos de 2021. Daí acredito que eles permitirão transferência para o ano que vem. Bom dia!

  • Deixe seu comentário