São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Tênis 23/12/2014

Brasil Open-2015 inicia venda de ingressos, mais baratos que os de 14

Por Esportividade
Federico Delbonis, vencedor da edição de 2014 (William Lucas/Inovafoto)

Federico Delbonis, vencedor da edição de 2014 (William Lucas/Inovafoto)

Já estão à venda os ingressos para o Brasil Open de 2015, torneio ATP 250 cuja chave principal vai começar a ser disputada em 9 de fevereiro. Os preços, considerados “promocionais” pelos organizadores, estão mais baixos que os da edição anterior. O pacote para todos os dias ilustra bem isso: em 2014 custava de R$ 301 a R$ 864, mas agora custa de R$ 176 a R$ 408.

O Brasil Open novamente é realizado no Conjunto Desportivo Constâncio Vaz Guimarães, em São Paulo (SP). A quadra principal é montada no ginásio do Ibirapuera. O torneio tem a presença confirmada do espanhol Feliciano López, 14º do mundo atualmente.

Ginásio do Ibirapuera, quadra central do Brasil Open (Brasil Open/Inovafoto)

Ginásio do Ibirapuera, quadra central do Brasil Open (Brasil Open/Inovafoto)

As finais de duplas (às 14h) e de simples (não antes das 16h) estão marcadas para 15 de fevereiro, domingo, dois dias antes da terça-feira de Carnaval, 17 de fevereiro. Quem não é de São Paulo pode, então, aproveitar o período carnavalesco e viajar à cidade para acompanhar o Brasil Open.

Na segunda-feira, 16, começa a chave principal do Rio Open, que já confirmou os espanhóis Rafael Nadal e David Ferrer, a italiana Sara Errani e os brasileiros Thomaz Bellucci e Teliana Pereira. No torneio carioca, um ATP 500, ou seja, mais importante que o paulistano, os ingressos são mais caros: quem deseja assistir à final paga R$ 460 ou R$ 510 (clique aqui e saiba mais a respeito dos ingressos para o Rio Open).

Quem compra ingressos pela internet para o Brasil Open paga “taxa de conveniência”. Uma entrada para a final que custaria R$ 120 (preço máximo) sai por R$ 141,60 com a adição dessa taxa. Mas quem se dirige à livraria Fnac da avenida Paulista, 901, não a paga.

Não haverá cobrança de ingresso nos dias 7 e 8 de fevereiro, quando acontece o qualifying, que classifica alguns tenistas para a chave principal.

Compre seus bilhetes clicando aqui. Têm direito à meia-entrada estudantes, professores, aposentados, maiores de 60 anos.

Dias 9, 10 e 11 de fevereiro (segunda-feira, terça-feira e quarta-feira):
Cadeira Superior – R$ 15
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 50
Cadeira Inferior Lateral – R$ 40

Dia 12 de fevereiro (quinta-feira)
Cadeira Superior – R$ 25
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 60
Cadeira Inferior Lateral – R$ 50

Dia 13 de fevereiro (sexta-feira)
Cadeira Superior – R$ 35
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 80
Cadeira Inferior Lateral – R$ 60

Dia 14 de fevereiro (sábado) – semifinais
Cadeira Superior – R$ 45
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 100
Cadeira Inferior Lateral – R$ 80

Dia 15 de fevereiro (domingo) – finais de simples e duplas
Cadeira Superior – R$ 70
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 120
Cadeira Inferior Lateral – R$ 100

Pacote para todos os dias (de 9 a 15 de fevereiro)
Cadeira Superior – R$ 176
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 408
Cadeira Inferior Lateral – R$ 328

Pacote semifinais e finais (14 e 15 de fevereiro)
Cadeira Superior – R$ 97,50
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 187
Cadeira Inferior Lateral – R$ 153

Pacote segunda-feira a quarta-feira (de 9 a 11 de fevereiro)
Cadeira Superior – R$ 36
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 128
Cadeira Inferior Lateral – R$ 96

Pacote quinta-feira e sexta (12 e 13 de fevereiro)
Cadeira Superior – R$ 48
Cadeira Inferior Fundo de Quadra – R$ 112
Cadeira Inferior Lateral – R$ 88

Clique aqui e confira a primeira versão da programação da quadra central.

Comentários


  • Lucas Scalia disse:

    Gostaria de confirmar se o ingresso vale para todas as partidas do determinado dia escolhido

    att.Lucas

  • Deixe seu comentário