São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Atletismo 31/08/2017

CBAt diz que ídolos do atletismo ‘chorariam’ por demolição de estádio

Por Esportividade
Estádio Ícaro de Castro Mello com ginásio do Ibirapuera ao fundo (SELJ)

Estádio Ícaro de Castro Mello com ginásio do Ibirapuera ao fundo (SELJ)

A Confederação Brasileira de Atletismo, a CBAt, finalmente se manifestou contra a demolição do estádio Ícaro de Castro Mello, o do Ibirapuera, na zona sul de São Paulo. O presidente da entidade, José Antonio Martins Fernandes, escreveu nesta semana uma mensagem ao secretário estadual de Esporte, Lazer e Juventude de SP, Paulo Gustavo Maiurino, “apelando” para ele a fim de que, com a provável construção de uma nova “arena multiúso coberta” no Conjunto Desportivo Constâncio Vaz Guimarães, a pista de atletismo seja preservada.

“Cumpre informar que esse estádio de atletismo abrigou as melhores e mais importantes competições do atletismo brasileiro, como diversos Troféus Brasil e meetings internacionais”, disse o presidente para o secretário estadual. “Lá competiram atletas como Maurren Maggi, Joaquim Cruz, Edwin Moses, Carl Lewis, Agberto Guimarães, Zequinha Barbosa e Thiago Braz da Silva.”

“A cidade de São Paulo sempre foi carente de pistas de atletismo e, ainda hoje, nos ressentimos de um maior número de pistas para o desenvolvimento de projetos voltados ao esporte de alto rendimento e sociais, desenvolvidos por meio da prática do atletismo.”

“Diante de um quadro de extrema carência, perder essa que é a principal pista de atletismo do Estado de São Paulo seria fatal para o futuro do atletismo brasileiro. Nossos ídolos imortais, Adhemar Ferreira da Silva, Nelson Prudêncio e João Carlos de Oliveira, o João do Pulo, estariam chorando por essa decisão!”

Complexo esportivo depois de obras poderá ficar assim (Governo do Estado de São Paulo)

Complexo esportivo depois de obras poderá ficar assim (Governo do Estado de São Paulo)

Já a Federação Paulista de Atletismo, vizinha do complexo, disse preferir “aguardar o desfecho burocrático” e as apresentações oficiais dos projetos para manifestar-se.

Apesar de o plano de concessão do complexo esportivo do Ibirapuera à iniciativa privada ainda estar em processo inicial, o edital publicado pela secretaria é bem claro: as empresas devem prever um ginásio para 20 mil pessoas no lugar do estádio de atletismo, demolindo este equipamento.

Deixe seu comentário