São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 13/12/2017

Circuito da Cidadania era revelado há 1 ano; confira as promessas cumpridas

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

Chegada da etapa do parque do Carmo (Esportividade)

Um ano atrás, os leitores do Esportividade tomaram conhecimento da extinção do Circuito Popular de corrida de rua paulistano e do surgimento do Circuito da Cidadania. Em 13 de dezembro de 2016, o guia esportivo publicou com exclusividade reportagem em que o então futuro secretário Jorge Damião revelava os planos que seriam colocados em prática a partir de janeiro de 2017. Boa parte do que ele disse realmente se realizou.

“Vamos diminuir o número de provas para podermos fazê-las melhor”, disse ele na ocasião. “O ideal é realizarmos uma corrida por mês muito bem feita e com total divulgação – com no mínimo duas provas em cada região da cidade. A ideia é que as inscrições sejam feitas pela internet e a camiseta seja entregue no dia da prova.”

Houve redução do número de provas, aumento da qualidade, inscrições pela internet, distribuição de camisetas após a linha de chegada. Não se concretizou, porém, o plano de realização de pelo menos duas etapas por região: a zona sul só foi contemplada com uma, a do Campo Limpo.

Atletas correm no Pacaembu (Esportividade)

“As corridas de rua serão revitalizadas”, afirmou Jorge Damião em 13 de dezembro de 2016. “Já nos reunimos duas vezes com um grande banco.” A Caixa acabou se tornando a patrocinadora do CCC.

O que não se sabia no dia 13 de dezembro de 2016 era como se daria a contratação de uma empresa organizadora. A empresa Iguana Sports foi contratada pela Caixa, o que dispensou a necessidade de a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer abrir licitação para isso.

Troféus do Circuito Caixa da Cidadania (Esportividade)

A décima e última etapa da primeira temporada do Circuito Caixa da Cidadania acontecerá neste domingo, dia 17 de dezembro: será a do centro histórico. As inscrições estão esgotadas. Eram gratuitas.

Ainda não foram dadas informações sobre a temporada 2018, mas a Iguana já falou em mudança do sistema de inscrição, o “calcanhar de Aquiles” do primeiro ano.

No Circuito Popular, a secretaria contratava uma empresa (na última fase, era a EM Empresarial) para realizar as provas, investindo dinheiro público nelas. No CCC, a Seme deixou de ser uma investidora direta.

Leia também:
Etapa final tem percurso revelado: é ‘tour’ pelo centro

Comentários


  • Marcelo Lacerda disse:

    Boa tarde Andrei, td bem?
    A melhor coisa foi a empresa Iguana tomar conta do sistema de inscrição. Parabéns Esportividade pela matéria.

    Abraços.

    • samara disse:

      também achei muito boa a organização da empresa Iguana para as corridas da prefeitura de SP. Não conhecia a empresa e felizmente, tive uma impressão muito boa.

  • Karina disse:

    Adorei o CCC, e agradeço ao Esportividade por todas as informações dadas com antecedência sobre a abertura das inscrições.Consegui me inscrever (e inscrever a turma) para quase todas as provas, e adorei conhecer a cidade “viajando” para participar das provas. Domingo vamos fechar o calendário com chave de ouro, que venham mais provas excelentes em 2018!!!

  • Luiz Fernando Pacheco disse:

    Ótima matéria mais uma vez, revelando a importância e pioneirismo do papel jornalístico do site (além dos furos de notícia e as informações atualizadas sobre inscrições)! Infelizmente só consegui me inscrever para 01 etapa de circuito (Lapa/Barra Funda), mas achei muito boa a estrutura e a qualidade do evento como um todo (Iguana é uma excelente organizadora), sendo muito justo a entrega das camisas pós prova. Vamos torcer por melhorias implantadas pela prefeitura (especialmente no site e a forma de inscrição) e que ocorram mais provas nas diversas regiões de São Paulo! Parabéns Esportividade, todo dia entro para olhar a agenda de corridas de vocês!

    • Esportividade disse:

      Obrigado, Luiz, e pessoas como você nos ajudam muito a construir, tijolo a tijolo, esse trabalho jornalístico. Aliás, como ressaltamos na apresentação do site, “por acreditar em primeiro lugar no interesse público e em uma compreensão mais ampla dos fatos, o Esportividade trabalha em duas vias: informa o usuário e dele recebe as informações”. Abraço!

  • Fernando Rangel disse:

    Muita promessa e pouca ação, o fato é que paraticipava das corridas até o ano passado este ano não consegui participar de nenhuma. A mim não importa os valores argumentados se tentei e não consegui participar de nenhuma etapa algo está errado, pois antes eu conseguia. para se ter uma idéia na etapa da Vila Maria no parque do Trote, eu fiquei das 10:50 até as 13:00 Hs eu e meu filho em dois computadores tentando fazer as nossas inscrições até o momento em que apareceu a informação que as inscrições estavam encerradas e não conseguimos, Porem no dia da corrida em questão havia um batalhão inteiro da Policia participando. Duvido que todos aqueles policiais ficaram como nós na frente de computadores tentando fazer suas incrições e se ficaram o que eu duvido, é muito interessante, pois o batalhão inteiro conseguiu se inscrever. E se não precisaram de inscrição correram como pipoca ? nós não podemos correr como pipocas, eles podem, ou seja, tem algo de podre nesta carniça.

  • vanessa brito EDUARDO disse:

    QUAL A DATA PRA FAZER A INSCRIÇÕES

  • Deixe seu comentário