São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Rugby 27/08/2018

Começa venda de ingressos para jogo de rugby dos Maori All Blacks no Morumbi

Por Esportividade

Capitães dos Tupis e dos Maori All Blacks (Fotojump/Divulgação)

Observação (feita às 18h43 de 08/11): localizada a 1,6 km do estádio, a estação de metrô São Paulo-Morumbi, da Linha 4-Amarela, passará a funcionar em horário comercial pleno a partir de 10/11/18, sábado: das 4h40 à meia-noite (de domingo a sexta-feira); aos sábados, das 4h40 à 1h.

Foi iniciada na manhã desta segunda-feira, dia 27 de agosto de 2018, a venda geral de ingressos para o jogo de rugby mais aguardado do ano em São Paulo. A partir das 19h de 10 de novembro, sábado, no estádio do Morumbi, na zona oeste, os Maori All Blacks serão desafiados por uma seleção brasileira de XV.

Para jogar na equipe neozelandesa, o atleta precisa ser de altíssimo nível, ter nascido na Nova Zelândia e ainda possuir ascendência maori.

O time brasileiro que enfrentará os neozelandeses será o Brasil Rugby, um selecionado formado em sua maioria por jogadores que atuam na seleção brasileira de rugby (Tupis). Alguns atletas novatos também serão escalados.

Estádio do Morumbi (Esportividade)

O estádio da partida será o do Morumbi, já que a Adidas é fornecedora de material esportivo do São Paulo FC e do time da Oceania.

Os ingressos (clique aqui) custam R$ 35 (arquibancada Laranja), R$ 70 (arquibancada), R$ 95 (cadeira térrea), R$ 105 (cadeira superior), R$ 250 (camarote Unyco) R$ 300 (VIP). Existe ainda cobrança de taxa de serviço de 20% do site StubHub.

Clientes dos cartões de crédito Bradesco, Next e BradesCard, das bandeiras Visa e Mastercard, têm desconto de 30% na compra de ingresso (entrada inteira).

Comentários


  • Angélica disse:

    Pessoal,
    No texto está errado quando diz que para jogar no All Blacks precisa ter descendência Maori, o correto nesse caso seria dizer que precisa ter “ascendência” Maori, ou seja, precisa ter antepassados Maoris.
    Abs
    Angélica

  • Deixe seu comentário