São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 16/11/2017

Corrida das Américas compensa esforço, passa pelo Pacaembu e vira a melhor

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

Corredores dentro do estádio do Pacaembu (Esportividade)

Toda a dificuldade de inscrição (gratuita) foi compensada na manhã de quarta-feira, feriado de 15 de novembro, dia da Corrida das Américas. A sétima etapa do Circuito Caixa da Cidadania-2017 de São Paulo foi a mais especial do substituto do Circuito Popular até agora. Especial e inédita. E por mais de um motivo.

camVocê em ação na corrida: encontre e baixe sua foto
Clique aqui para ver suas fotos como participante da Corrida das Américas do Circuito da Cidadania; ache as dos amigos também!

Pela primeira vez, os atletas largaram no Memorial da América Latina e correram em direção ao estádio do Pacaembu. O principal momento da prova de 6 km foi quando eles entraram no histórico Paulo Machado de Carvalho, passaram pelo trecho asfaltado ao lado do gramado e foram até a região da piscina, dando início ao retorno ao Memorial.

Atletas correm no Pacaembu (Esportividade)

Os gritos de “Vai, Corinthians” faziam todo o sentido para os corintianos. Estavam, afinal, no estádio em que o clube jogou por décadas e aquele dia poderia ser o da confirmação do título brasileiro de 2017, o que, quase no fim da quarta-feira, acabou mesmo acontecendo.

Etapa Memorial do CCC (Esportividade)

O outro motivo da singularidade da etapa – também chamada de Lapa – foi o tema. Quando a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer idealizou o evento, era uma homenagem aos povos da América Latina, mas se tornou “das Américas” por causa da participação de canadenses e norte-americanos.

Chilenos participantes de corrida (Consulado)

A “equipe” do Consulado do Chile foi a maior e contou com quase cem pessoas, entre elas o cônsul. “Chi-Chi-Chi, Le-Le-Le, viva, Chile” foi gritado por chilenos e brasileiros em um “clima amistoso de Copa do Mundo”. E os participantes puderam visitar o Museu do Futebol de graça na quarta-feira.

Tendas de serviço (Esportividade)

Na “arena do evento”, montada no Memorial, com vista para o “Castelo Ra-Tim-Bum” com exposição lá, havia medição de glicemia como parte da campanha do Dia Mundial do Diabetes (14/11) e tenda da Caixa com um teste de tipo de pisada e orientações física e nutricional.

Corredores avistam estádio do Pacaembu (Esportividade)

Foram registradas filas para retirada de camiseta, sacola e medalha e também no guarda-volumes. Elas não afetaram muito, porém, a nota do evento, que teve muito mais pontos positivos que negativos e foi, por enquanto, o melhor do Circuito Caixa da Cidadania. Só o fato de uma estação de metrô e trens ficar ao lado da “arena” já foi um aspecto superfavorável.

Leia também:
Etapas do Circuito Caixa da Cidadania podem mudar; sorteio de vagas é estudado para 2018

Resultados

Clique aqui e confira o seu; fotos: clique aqui e encontre as suas.

Comentários


  • Lucelia disse:

    Foi uma corrida muito gostosa de fato e bem organizada, porem um ponto NEGATIVO com relaçao as inscriçoes, se viu muitos, muitos mesmo grupos de corrida com varias inscriçoes. Eu consegui apos inumeras tentativas fazer a minha e como só é possivel uma inscrição por CPF como se inscreve um grupo? Escutei de uma pessoa que participa desses grupos de corrida dizer que a equipe estava com varios numeros sobrando pois as pessoas nao compareceram, tirando a inscriçao de quem estava ali e correu sem acesso a largada e chegada. Muito chato, vale a organizadora e a prefeitura rever isso.

    • walter menezes disse:

      Também não sei,como as equipes conseguem tantas inscrições, o máximo que consegui foi 5, também nessa etapa a prefeitura reservou uma quantidade para um determinado grupo, e esse grupo estava com um monte de números mas sem pessoas para usa-los, .

  • Rafael Carneiro disse:

    Realmente é muito injusto esse critério de permitir inscrição para grupo. É por isso que acabam em 10 min. As inscrições deveriam ser individuais e por fila, como foi a do Jd. Botânico. Quanto a prova, realmente foi muito bem organizada, levando em conta que eram 5 mil pessoas e era uma corrida gratuita. Parabéns aos organizadores !!! O percurso foi memorável. De todas que participei nesse ano, inclusive as corridas pagas, essa foi a melhor.

  • Marco disse:

    Participei, foi ótima. A etapa Santa, no Campo de Marte, também foi muito positiva, não vi diferença para essa etapa Lapa. O que não gostei é que foram apenas 5,8 km, diferente dos 6 km anunciados, isso estraga o planejamento. Mas foi boa, sim.

  • Organizadores:
    Adotem esse percurso para sempre, nunca alterem, por favor. Parabéns…..

  • Rogerio Marco disse:

    A prova foi otima exceto a retirada no guarda-volumes, fiquei 50 minutos para retirar meus pertences. A reportagem peca quando cita um time de futebol. Teve outros clubes que ganharam inclusive titulo internacional e não foram citados. Portanto reportagem sobre a corrida tem que ser sobre a corrida. Futebol, religião e politica todo mundo tem a sua. Jornalista bom é imparcial.

  • Noelia lopes dos santos disse:

    Ola Andre, adorei sua cobertura, enfim o percurso a organizaçao show, amei

  • Roberto disse:

    Achei o trajeto sensacional e a corrida bem organizada, além do clima que ajudou muito. Como não consegui inscrição, fui de pipoca mesmo, mas valeu muito a pena. Espero que façam de novo com esse percurso no ano que vem.

  • Margarete Mendes Lucindo Nascimento disse:

    Simplesmente amei esse evento.
    Espero participar de outros.
    Parabéns a todos

  • Edna disse:

    Não consegui meu resultado e nem do meu esposo e irmão. Houve algum problema com o registro?

  • Rosangela Soares Franco disse:

    Adorei a matéria. Foi a minha primeira corrida da prefeitura não podendo comparar mas foi ótima mesmo! Belas fotos!

  • Silvana Pereira Veloso disse:

    Não obtive resultado por SMS e TB não encontrei no site..🤔

  • Deixe seu comentário