São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Fim de semana 18/12/2015

Duelos entre paulistanos e bauruenses destacam-se no sábado esportivo (19)

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

O sábado esportivo (19 de dezembro de 2015) em São Paulo será marcado por jogos entre times paulistanos e bauruenses. Enquanto a equipe masculina de basquete do Paulistano/Corpore pega o Paschoalotto/Bauru a partir das 17h30, a feminina de vôlei do Sesi-SP recebe o Concilig Vôlei Bauru às 18h.

Dawkins, norte-americano do Paulistano (delima/dubem)

Dawkins, norte-americano do Paulistano, com a bola (delima/dubem)

O jogo de basquete representa um duelo entre líderes do NBB 8. Ambas as equipes foram derrotadas só uma vez, mas a diferença é que a interiorana possui 90,9% de aproveitamento por ter feito uma partida a mais que a da capital (90%). Quem tirou a invencibilidade do Paulistano foi o São José em 15 de dezembro; a do Bauru foi o Pinheiros ainda em 18 de novembro. O time bauruense foi campeão de quase tudo na temporada passada: só não conseguiu a taça do NBB 7, que foi obtida pelo Flamengo. As contratações do Paulistano para 2015/2016 surtiram efeito: o pivô Caio Torres é líder das estatísticas de arremessos de dois pontos, e o armador Valtinho também tem sido peça-chave do elenco.

Vibração das jogadoras do Sesi-SP (Sesi-SP)

Vibração das jogadoras do Sesi-SP (Sesi-SP)

No vôlei, os times de São Paulo e Bauru também estão “pau a pau”, mas mais para baixo da tabela de classificação. Sesi faz uma campanha decepcionante e está só em oitavo, uma posição à frente do Bauru. Ambos foram derrotados seis vezes em dez partidas. E, apesar de contar com as bicampeãs olímpicas Fabiana e Jaqueline, o Sesi-SP ainda não se encontrou na atual temporada, para a qual trocou ambas as levantadoras do elenco. O Bauru, da levantadora Ana Tiemi, chegou a derrotar o agora líder Rexona-Ades, mas não conseguiu manter o bom desempenho.

Para o público poder entrar no ginásio Antônio Prado Júnior, que é o do Club Athletico Paulistano, tem de levar 2 kg de alimentos não perecíveis; a entrada no Sesi Vila Leopoldina é gratuita.

Deixe seu comentário