São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 27/12/2018

Elegemos a melhor corrida de 2018; e qual foi a mais legal para você?

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

Término da 52ª Sargento Gonzaguinha (Esportividade)

O Esportividade, pelo quarto ano consecutivo, elegeu a melhor corrida da qual participou na temporada. Mais de 20 eventos foram avaliados, e a Sargento Gonzaguinha, organizada pela Avatar, obteve o bicampeonato um ano após empatar em primeiro lugar com etapa Caminhos do Mar do Circuito das Serras. A São Silvestre ainda será realizada, mas, por toda sua tradição, ela pode ser considerada hors concours, um ponto fora da curva.

A 52ª edição da Corrida Sargento Gonzaguinha, disputada em vias das zonas central e norte de São Paulo, conquistou o segundo título graças à manutenção do alto nível de organização apresentado em 2017. Não houve grandes mudanças para o corredor em relação a 2017, o que, de forma alguma, foi um problema – “em time que está ganhando não se mexe”.

Estes são os três motivos que levaram a Gonzaguinha ao segundo triunfo:

Largada da 52ª Sargento Gonzaguinha (Esportividade)

Pré-prova: os corredores puderam escolher, no ato da inscrição, qual tom seria o predominante em sua camiseta, e cada um fazia sua opção.

Não faltaram informações aos atletas. E-mails lhes foram enviados com dicas de transporte e orientações sobre entrega de kit. Esta, realizada no ginásio da Escola de Educação Física da Polícia Militar, foi muito rápida. Também foi estabelecida comunicação via SMS com os participantes, ou seja, havia dois jeitos de a organização lhes passar mensagens.

Atletas correm na marginal do Tietê (Esportividade)

Corrida: o percurso exclusivo da Gonzaguinha, única corrrida que passa pela marginal do rio Tietê, é um grande diferencial do evento, do qual fazem parte duas provas, uma de 5 km e outra de 15 km – esta dá aos atletas chance de preparação para a São Silvestre.

Um fato inesperado fortaleceu a Gonzaguinha em 2018: a temperatura, que, em pleno dia 9 de dezembro, estava na casa dos 15ºC.

Chegada da 52ª Sargento Gonzaguinha (Esportividade)

Pós-prova: em vez de ser entregue de qualquer forma, a medalha era colocada no pescoço de cada participante, o que é raridade nas corridas de rua. Montada no gramado do campo da EEF, a agradável “arena do evento” incluía serviços gratuitos – de massagem, por exemplo.

Nos dias seguintes, no site oficial da Gonzaguinha, os corredores puderam ver e baixar de graça fotos de sua participação.

Conclusão

Últimos metros da 52ª Sargento Gonzaguinha (Esportividade)

A relação entre o custo (R$ 97, valor total, no primeiro lote) e o benefício da 52ª Sargento Gonzaguinha foi bastante favorável.

E qual foi a melhor corrida de 2018 para você? Deixe abaixo seu comentário ou faça-o em nossa página no Facebook.

Histórico

No primeiro ano do “concurso” do guia, 2015, a Caminho da Paz, da ONG Caminho de Abraão, foi eleita a melhor. No ano seguinte, 2016, a Corrida Juventus, então organizada pela SportsFuse, foi a campeã.

Leia também:
Atletas da 52ª Gonzaguinha recebem ajuda inesperada de São Pedro

Comentários


  • Luzielma dias disse:

    A corrida pela vida , noturna , autódromo de Interlagos , tudo ótimo.

  • Sônia disse:

    Como eu havia falado p meus amigos, foi a melhor corrida que eu participei neste ano…

  • Silvia Cristina disse:

    A melhor corrida para mim foi o Circuito Transformar, e o Circuito Olga Kos.

  • Realmente. A corrida Sargento Gonzaguinha foi super organizada. Todos estão de parabéns. Dou nota 1000.

  • Talita disse:

    Foi a melhor prova, melhor organização, tudo perfeito. E pra ajudar a temperatura estava excelente para corrermos. A prova que hoje faria de novo!!!

  • Francisco José de Sousa Basílio disse:

    Na minha opinião, é bem organizada! Estão de parabéns

  • Leandro Ramos disse:

    Das 28 que eu corri este ano, a melhor pra mim foi a corrida contra o câncer de mama no campo de marte…pela causa e pela organização e percurso. Espero correr a do sargento gonzaguinha no ano que vem..

  • Deixe seu comentário