São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Tênis 09/02/2015

Inscrito mais bem colocado em ranking se lesiona antes do Brasil Open-2015

Por Esportividade
Feliciano López (ATP/Getty Images)

Feliciano López (ATP/Getty Images)

Justamente o tenista mais bem colocado no ranking da ATP que participaria do Brasil Open de 2015 nesta semana se machucou e não jogará mais nas quadras do complexo esportivo do Ibirapuera. O espanhol Feliciano López, 14º colocado, sofreu uma contusão na coxa direita na final do ATP 250 de Quito, disputada no domingo, dia 7, e chegou a receber atendimento médico durante a partida decisiva. O título foi conquistado pelo dominicano Victor Estrella Burgos.

Quem ganhou a vaga foi o argentino Facundo Bagnis (117º), o “perdedor sortudo” da vez, pois havia sido derrotado pelo holandês Thiemo de Bakker no qualifying. O italiano Luca Vanni (149º), oriundo do qualifying do Brasil Open de 2015, foi colocado na parte de cima da chave.

O mais bem colocado a disputar o Brasil Open-2015 passa a ser o também espanhol Tommy Robredo, 17º. A ausência de López deixou o caminho dos brasileiros Thomaz Bellucci e João Souza, o Feijão, um pouco mais fácil, pois eles compartilhavam lado da chave com o lesionado tenista.

Bellucci, 63º, enfrenta na primeira rodada, nesta terça-feira, dia 10, o eslovaco Martin Klizan, 38º. Feijão, 110º, encara o espanhol Pablo Carreno Busta, 56º. Os vencedores desses dois confrontos vão se encontrar na segunda rodada, para a qual foram diretamente Vanni, o argentino Leonardo Mayer (30º), o italiano Fabio Fognini (26º) e Robredo.

Três jogos de duplas chamam a atenção na primeira rodada: o brasileiro Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya têm pela frente o argentino Diego Schwartzman, campeão do ATP Challenger Tour Finals de 2014 no Esporte Clube Pinheiros, e o italiano Paolo Lorenzi, vice-campeão do Brasil Open do ano passado; André Sá e Feijão pegam os argentinos Máximo González e Juan Mónaco; o brasileiro Marcelo Melo e o austríaco Julian Knowle são desafiados pelo espanhol Nicolás Almagro e pelo italiano Fabio Fognini.

Ingressos continuam à venda: para saber como comprar o seu clique aqui.

Deixe seu comentário