São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 08/01/2018

Mais mulheres completam a São Silvestre-2017, mas recorde não é batido

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

Descida antes do estádio do Pacaembu (Esportividade)

Depois de anos de crescimento da participação feminina na São Silvestre, em 2017 houve um pequeno recuo percentual, mas, quanto aos números absolutos, foi o melhor ano delas na mais tradicional corrida de rua brasileira.

camVocê em ação na corrida: encontre e baixe sua foto
Clique aqui para ver suas fotos como participante da Corrida de São Silvestre-2017, a 93ª edição; ache as dos amigos também!

Assim como em 2016, havia 30 mil inscritos (30,57% deles eram do sexo feminino). De acordo com a classificação geral, 25.966 pessoas inscritas cruzaram a linha de chegada: 17.978 homens e 7.988 mulheres.

Não foi na 93ª edição que as mulheres bateram o recorde percentual de presença feminina: em 2017, 30,76% dos que terminaram a corrida eram mulheres – em 2016, elas representaram 30,8% (7.332 corredoras), o recorde vigente.

Em 2015, corresponderam a 28,55% dos atletas que foram até o fim dos 15 km (6.645 dos 23.268) em São Paulo. Em dez anos, o crescimento foi enorme: elas eram só 11,49% dos medalhistas em 2004; já em 2014, 25,63%.

Leia mais sobre quem são os participantes:
Mais de 90% dos inscritos na São Silvestre têm 30 anos ou mais

Comentários


  • GOSTEI DE VER POREM NINGUEM COMENTA SOBRE OS PRIMEIROS COLOCADOS DO POVÃO QUE FICARAM BEM COLOCADOS

  • Cosme Santos disse:

    Olá a todos, eu prático atletismo há 16 anos sou maratonista, e corro também corridas de menor kilometragem. Acho um absurdo os valores que os organizadores cobram nas inscrições. A corrida virou um comércio, uma fábrica de dinheiro.

    Sou aposentado, em março de 2019 eu completo 58 anos, porém ainda não tenho 60 anos para obter o desconto.

    Gostaria muito de estar ali entre todos, mas não será possível. A menos que eu ganhe uma cortesia.

  • Cosme Santos disse:

    Exatamente Júlia, a grande massa que movimenta essa empresa, fica no esquecimento. Não existe incentivo para as pessoas, a corrida de São Silvestre já foi do povão em outras épocas, o valor cobrado já era alto, agora houve outra aumento. Sinceramente,…..

  • Deixe seu comentário