São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 29/08/2018

Nova alta de preço da São Silvestre gera críticas, mas reajuste de 2012 foi maior

Por Esportividade

Viaduto Orlando Murgel, um dos desafios da SS (Esportividade)

Observação (feita às 16h36 de 14 de novembro): as inscrições estão paralisadas; já foi atingido o limite de 30 mil atletas, mas pode ser que haja boletos bancários não pagos; uma reabertura é possível.

A maioria dos corredores considera alto o preço das inscrições da São Silvestre, mas não é de agora que é reajustado anualmente. O valor de 2018, R$ 185, representa um aumento acima da inflação oficial, mas não é neste ano que a corrida foi a um outro patamar. A edição de 2012, na qual a prova passou a ser disputada no período da manhã, foi um marco.

Até 2011, a Fundação Cásper Líbero definia lotes com preços diferentes, que variavam conforme a época de realização das inscrições. Custavam, na ocasião, R$ 90, 95 e 100. Noventa reais eram 16,51% do salário mínimo da época.

No ano de 2012, quando foi transferida para a manhã, foi quando a São Silvestre mais mudou quanto ao valor. O lote passou a ser único, de R$ 120, ou seja, 19,29% do salário mínimo, percentual similar ao de 2018. Houve um aumento de 33,33% do preço do primeiro lote de 2011 para o do lote único de 2012 – e o governo federal havia registrado inflação de 6,50% em 2011.

Concentração da São Silvestre-2017 (Esportividade)

De 2013 a 2017, o preço das inscrições não variou muito em relação ao salário mínimo, ficando na casa dos 18%. Em 2016 e em 2017, o reajuste praticamente acompanhou a inflação do ano anterior.

Neste ano de 2018, porém, voltou ao patamar dos 19% do salário mínimo vigente (mais precisamente, 19,39%) e teve uma alta de 8,82%, enquanto a inflação oficial de 2017 (IPCA), divulgada pelo IBGE, foi de 2,95%.

Confira a evolução dos preços das dez mais recentes edições da São Silvestre:

2018: R$ 185, aumento de 8,82% de 2017 para 2018 [19,39% do salário mínimo de R$ 954] / 2,95% de inflação em 2017

2017: R$ 170, aumento de 6,25% de 2016 para 2017 [18,14% do salário mínimo de R$ 937] / 6,29% de inflação em 2016

2016: R$ 160, aumento de 10,34% de 2015 para 2016 [18,18% do salário mínimo de R$ 880] / 10,67% de inflação em 2015

2015: R$ 145, aumento de 7,4% de 2014 para 2015 [18,4% do salário mínimo de R$ 788] / 6,41% de inflação em 2014

2014: R$ 135, aumento de 8% de 2013 para 2014 [18,64% do salário mínimo de R$ 724] / 5,91% de inflação em 2013

2013: R$ 125, aumento de 4,16% de 2012 para 2013 [18,43% do salário mínimo de R$ 678] / 5,84% de inflação em 2012

2012: R$ 120, aumento de 33,33% de 2011 para 2012 [19,29% do salário mínimo de R$ 622] / 6,50% de inflação em 2011

2011: R$ 90 (valor de referência), R$ 95 e R$ 100, aumento de 5,88% de 2010 para 2011 [16,51% do salário mínimo de R$ 545] / 5,91% de inflação em 2010

2010: R$ 85 (valor de referência), R$ 90 e R$ 95, aumento de 13,33% de 2009 para 2010 [16,66% do salário mínimo de R$ 510] / 4,31% de inflação em 2009

2009: R$ 75 (valor de referência), R$ 80 e R$ 90, aumento de 7,14% de 2008 para 2009 [16,12% do salário mínimo de R$ 465] / 5,90% de inflação em 2008

Clique aqui e saiba mais sobre a São Silvestre de 2018, a 94ª edição da mais famosa e tradicional corrida de rua do Brasil.

Comentários


  • Adilson disse:

    Além do aumento, a qualidade da camiseta caiu muito, uso até hoje a camiseta de 2013, a do ano passado era descartável.

  • Deixe seu comentário