São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 01/09/2017

Regulamento da São Silvestre indica preço de 2017 e restrições a ‘pipocas’

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade
São Silvestre-2016: muita gente sem número de peito correndo como "pipoca" (Esportividade)

São Silvestre-2016: muita gente sem número de peito correndo como “pipoca” (Esportividade)

Atualização (feita às 10h56 de 4 de setembro de 2017): as inscrições (clique aqui) foram abertas e as informações presentes nesta página estão confirmadas.

A São Silvestre disponibilizava às 16h24 de 1º de setembro de 2017, em seu site oficial, o regulamento da 93ª edição da história (clique aqui para acessá-lo pelo site da SS ou clique aqui para lê-lo pelo Esportividade). Durante esta sexta-feira (1º/09/17), no entanto, o “pdf” nem sempre esteve disponível: se encontrava “fora do ar” às vezes. Procurada pelo guia, a Fundação Cásper Líbero disse ainda não poder confirmar o novo preço, R$ 170, que deve ser oficializado na próxima semana, quando é possível que as inscrições sejam iniciadas.

Se o novo valor da SS for mesmo o já informado, representará R$ 10 (6,25%, praticamente acompanhando a inflação oficial brasileira) de aumento de um ano para o outro, de 2016 para 2017. Caso isso seja confirmado, a tendência de acréscimo de valor de inscrições estará mantida. Em 2009, por exemplo, custavam de R$ 75 a R$ 90, dependendo de quando eram feitas.

Atletas da São Silvestre-2016 no cruzamento da Ipiranga com a São João (Esportividade)

Atletas da São Silvestre-2016 no cruzamento da Ipiranga com a São João (Esportividade)

Os organizadores da corrida de rua mais tradicional do Brasil buscam deixar para trás os problemas de 2016. É que, no ano passado, faltou água para os atletas do pelotão traseiro. Corredores relataram falhas de distribuição e de planejamento, mas a Yescom, empresa contratada pela Fundação Cásper Líbero, atribuiu a falta ao número excessivo de competidores correndo sem ter inscrição, os famosos “pipocas”, e lançou já em janeiro uma campanha para tentar coibi-los em seus próprios eventos (leia a reportagem Yescom ‘compra briga’ e encabeça uma longa campanha ‘antipipoca’).

O “espírito” da campanha da Yescom deverá ser mantido na São Silvestre. Diz o regulamento do evento: “A prova oferecerá infraestrutura (apoio médico, acessos, hidratação, lanches) para o número oficial de inscritos. “Não serão disponibilizados recursos extras para atletas que não estejam inscritos oficialmente (‘pipocas’)”.

Na edição de 2017, a São Silvestre, uma corrida de rua de 15 km cujos direitos pertencem à Fundação Cásper Líbero, necessita recuperar-se dos episódios de 2016, que deixaram um pouco manchada a imagem de uma prova que deveria ser a realização de um sonho para muitos. Ou também deveria ser a “cereja do bolo” de um ano todo de treinos.

São Silvestre-2016 contou com cobertura do Esportividade (Andrei Spinassé/Esportividade)

São Silvestre-2016 contou com cobertura do Esportividade (Andrei Spinassé/Esportividade)

A missão da 93ª Corrida Internacional de São Silvestre (2017) é voltar a ter repercussões esportivas e festivas muito maiores que as de problemas de organização, o que não ocorreu em 2016.

A data da prova não é surpresa para ninguém: 31 de dezembro. O último dia do ano desta vez cai em um domingo. Os cadeirantes vão ser os primeiros a largar (horário a ser confirmado). O pelotão de elite feminino vai ter a sua largada às 8h40 nas proximidades do número 2.000 da avenida Paulista. Logo em seguida, às 9h, vai ser a vez de os demais atletas largarem. A chegada, como já é tradicional, será feita diante do prédio da Fundação Cásper Líbero (número 900), detentora dos direitos do evento.

Inscrições

As inscrições (clique aqui) estão abertas por R$ 170. As pessoas com idade igual ou superior a 60 anos têm 50% de desconto e pagam R$ 85. É comum as inscrições para São Silvestre se encerrarem pelo limite de inscritos, 30 mil atletas, e não pela data final estipulada pela organização. A entrega de kit aos participantes será realizada de 27 a 30 de dezembro, de quarta-feira a sábado, em São Paulo.

Origem e mudanças

Atletas amadores com edifício Itália ao fundo (Andrei Spinassé/Esportividade)

Atletas amadores com edifício Itália ao fundo (Andrei Spinassé/Esportividade)

Tudo começou com o jornalista Cásper Líbero, da Gazeta, que se inspirou em uma corrida noturna francesa em que os atletas carregavam tochas. E, após assistir ao evento em Paris, em 1924, ele quis realizar uma prova noturna em São Paulo, cuja primeira edição aconteceu quase ao fim de 31 de dezembro de 1925. Tem esse nome porque homenageia o santo do dia.

A São Silvestre foi disputada na noite de 31 de dezembro até 1988. Em 1989, passou a ser realizada à tarde. Desde 2012 acontece no período da manhã. E desde 1991 o percurso da prova tem 15 km.

Comentários


  • ANABELIA CUNHA DA SILVA disse:

    Eu só acho que o valor desta corrida muito cara

  • Valeria disse:

    A porque a São Silvestre é tão cara se tem incentivo da prefeitura, e mais de 30.000 participantes? Cadê a lei de incentivo ao esporte? Um absurdo pelo que ela dá de retorno aos atletas

  • Neusa disse:

    O que faz São Silvestre ser tão cara desta maneira?
    São tantos patrocinadores, um kit tão simples, e um valor tão alto.

  • Marco disse:

    Boa noite, com todo respeito, chega a ser vergonhoso pagar R$ 170 para correr 15 km. Não há “emoção” ou “celebração do ano que passou” que justifique esse valor. Correr não dá sem chegar 3 horas antes, o que prejudica o aquecimento. Aos que vão boa prova: mais uma vez torcerei pela TV!

  • Jorge disse:

    Absurdo não é mesmo rede Globo de televisão.
    Yescom + Rede Globo = 170,00 SS17

    Corri ano passado de pipoca, levei minha água e meu isotônico, não peguei água da prova pra não prejudicar os outro, respeitei a saída dos não numerados e depois, comprei minha medalha no ML pq tem pessoas que vendem. Sabe quanto? 75,00 minha são silvestre

  • Luiz Fernando Pacheco disse:

    Boa noite pessoal do Esportividade. Muito bom o texto mais uma vez. Infelizmente a São Silvestre continua com esse valor alto (ainda mais em ano de crise para todos nós brasileiros…), mas cabe a cada corredor a decisão de se inscrever ou não, pois a organizadora é uma empresa com fins lucrativos sim (outras provas são gratuitas ou de baixo valor, quando obtém os incentivos legais, como muitas vezes informado por esse site, que nos ajuda muito em conseguir essas inscrições concorridas!). Vou para minha 4ª S.S e minhas críticas continuam para o horário de largada tardio (em virtude do televisionamento) e a falta de baias e divisão por ritmo na largada, mas espero que a campanha tenha sucesso nessa prova de fogo para a Yescom, com a redução dos pipocas e melhoras/auxílio aos regularmente inscritos (participei da Meia de SP em fevereiro e da Maratona em abril, e em ambas o fluxo da largada e chegada foram bem mais tranquilos). Espero também que a divisão/distribuição da água gelada (sem estoque na chegada) e o empenho dos staffs sejam melhores nesse ano. Boa corrida a todos, parabéns Esportividade pelo trabalho realizado.

    • Esportividade disse:

      Boa análise, Luiz. Só uma observação: a Fundação Cásper Líbero, detentora dos direitos da prova, diz que, por causa de sua natureza jurídica, não tem lucro como objetivo. Ah, na semana que vem finalmente o Esportividade será responsivo, melhorando “da água para o vinho” a navegação em celulares. Abraço!

  • Christiano disse:

    Enquanto os corredores amadores não se juntar e por causa disso mesmo,correr na pipoca mesmo já virou um esporte que Só pessoas com condições financeiras Boa que faz,isso é uma vergonha.

  • Ricardo disse:

    Não entendo porque a SS é tão cara porque ate a camisa, que é dispensavel, é fraco. O preço é somente pela tradição da corrida???

  • Luiz disse:

    Cara é a gasolina a R$4,00, cara é a cerveja a R$8,00, e a carne pra churrasco então..em media R$30,00 o Kg, e o jogo da seleção então,o ingresso mais barato estava R$200 conto…analisando isto R$170 uma vez por ano pra correr uma prova tão tradicional ta valendo.

    • Juliana disse:

      Adorei sua comparação! Acho que pela tradição da corrida, vale os 170. E como outros internautas disseram, cabe a cada corredor analisar se quer ou não participar. Pretendo estrear. A São Silvestre este ano e mesmo no valor de 170,00 acho que valerá muito a pena! Boa prova aos que vão correr a SS este ano!

  • camilo viana dos santos disse:

    Acho que a corrida deveria ser separada dos nao inscritos pois pra mim é uma competiçao disleal, uma vez que os oficiais pagam e os nao inscrito nåo …

  • Shirlei disse:

    Acho que está na hora de diversificarem as inscrições. Montar Kits que sejam somente o chip/numero de peito e agua. Kit que inclui medalha tambem. Kit que inclui camisa. Garanto que muita gente que fica na Pipoca pagaria uns 30 reais pra ter computados o seu tempo e ter suporte de agua durante a prova. Muitas pessoas já nem fazem questao da camisa, pois correm por assessorias…e acabamos todos pagando caro pra ter o kit padrão. É impossível impedir o fluxo de pessoas num espaço público…. então, o jeito é tentar não levar prejuízo e nem provocar prejuízo. Sou a favor de mais opções de kits pra participação.

  • Silvia Barbeiro Marastoni disse:

    Preço, um absurdo. Péssimo horário para se correr no verão. E lanche, que lanche? 1 Torrone e 1 barrinha de cereal? Depois de torrar no sol no meio da multidão. Sem contar o kit pré prova que em alguns havia produtos vencidos.

  • Delia disse:

    Me preparei pra correr nesta corrida, mas com este valor absurdo prefiro correr na ciclovia inajar de souza.

    Corrida cancelada no são silvestres

  • edileuza Francisca da Silva disse:

    ISSO SIM QUE É DESCULPA ESFARRAPADA EM ORGANIZADORES ,ESSA CORRIDA SÓ É TÃO CARA POR SER UMA CORRIDA QUE TODOS ESPERAM PARA FECHAR O ANO , VOCÊS BEM QUE PODERIAM COMEÇAR COM UM VALOR PROMOCIONAL COMO TODAS AS CORRIDA IMPORTANTES COMO A: MARATONA E A MEIA MARATONA ,ISSO CHAMA EXPLORAÇÃO ISSO SIM,AGORA POR A DESCULPA DO VALOR TÃO ABSURDO NOS PIPOCAS SINCERAMENTE.
    AS PESSOAS SABEM QUE CORRER DE PIPOCA NÃO É LEGA,L MAIS INFELIZMENTE,,, O NEGOCIO É QUEM CORRER DE PIPOCA É SÓ LEVAR SUA ÁGUA E PRONTO, AI QUERIA VER A DESCULPA NAS PROXIMAS SÃO SILVESTRE

  • Ivo Santana disse:

    Está cara, sempre será cara, principalmente para quem mora fora do Estado de São Paulo, mas este anos estaremos aí com familiares e amigos, para aproveitar a festa, espero vocês na largada…

  • jose vieira de norores disse:

    não consegui me cadastrar

  • ADEILTON LUCAS ROCHA disse:

    sou novo nesse esporte ,gostaria de saber se todos os corredores ganham medalhas no final da prova

  • RAIMUNDO NONATO LIMA FILHO disse:

    ISSO É UM ABSURDO! ALÉM DE UM VALOR ALTISSIMO PELA INSCRIÇÃO AINDA QUEREM PROIBIR OS PIPOCAS…….

  • Deixe seu comentário