São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Automobilismo 24/07/2020

São Paulo e Brasil ficam sem GP de Fórmula 1 em 2020 devido à covid-19

Por Esportividade

Max Verstappen, vencedor do GP do Brasil de 2019 (Leon Rodrigues/Secom)

A Fórmula 1 não virá ao Brasil nem ao continente americano em 2020, uma consequência da pandemia de covid-19, interrompendo uma sequência iniciada em 1972, quando pilotos e equipes da categoria disputaram uma prova extracampeonato no autódromo de Interlagos, em São Paulo, que, por sua vez, recebia corridas dela anualmente desde 1990.

O campeonato de 2020 é o primeiro sem o Grande Prêmio do Brasil em quase cinco décadas, já que em 1973 o GP do Brasil começou a fazer parte do Mundial. Após mudança para Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, nos anos 1980, Interlagos foi encurtado para voltar a sediar provas da Fórmula 1 em 1990.

Mural para homenagear Ayrton Senna em Interlagos (Felipe Del Valle/RF1)

Desde então, a prefeitura, dona do autódromo, mantinha contrato com a categoria e modernizava o circuito com dinheiro público todos os anos. O atual acordo chega ao fim justamente em 2020, ano marcado pelo novo coronavírus, e ainda não se sabe se será estentido ou se, no mínimo, um ano extra será oferecido à cidade.

O Rio de Janeiro, com um autódromo ainda não construído em Deodoro, tem sido cotado para voltar a receber a Fórmula 1, mas há mais dúvidas do que certezas a respeito da construção, que seria feita pela iniciativa privada, e da viabilidade do negócio.

Reta principal do autódromo de Interlagos (José Cordeiro/SPTuris/RF1)

Em 2020, o GP do Brasil estava previsto para novembro (primeiro para o dia 15, depois, por causa das eleições municipais, para o dia 8). Os ingressos ainda não haviam começado a ser vendidos.

Deixe seu comentário