São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Futebol 14/10/2014

Torcedor vai ter surpresas no Allianz Parque; confira já algumas delas

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade
Fachada em aço inox (Andrei Spinassé/Esportividade)

Fachada em aço inox (Andrei Spinassé/Esportividade)

O espectador logo notará curiosidades no Allianz Parque, cuja inauguração oficial acontecerá em novembro. Chama a atenção, por exemplo, o efeito do aço inox na fachada. Quando o estádio palmeirense é visto de longe, tem-se a impressão de que quase não há espaço entre as placas, o que é desmentido quando são observadas mais de perto.

Como traseira da fachada é vista de corredor de acesso aos camarotes (Fachada em aço inox (Andrei Spinassé/Esportividade)

Corredor que dá acesso aos camarotes (Andrei Spinassé/Esportividade)

Inspirada em um cesto de vime, a ideia da fachada surgiu da necessidade de se realçar a imponência da construção para que o estádio não se perdesse entre os prédios vizinhos.

Arquibancada antiga

Arquibancada antiga ainda aparente  (Andrei Spinassé/Esportividade)

Arquibancada antiga ainda aparente (Andrei Spinassé/Esportividade)

Como a construtora WTorre fez uso de um alvará de reforma para construir o Allianz Parque, não pôde demolir completamente o antigo Palestra Itália. A consequência disso é que um pedaço de arquibancada, aquela atrás do gol oposto às piscinas, ainda pode ser vista quando se anda pelos corredores. Mas os pilares foram refeitos por questões de segurança.

“Ponto cego” do telão

Allianz Parque em 14 de outubro de 2014 (Andrei Spinassé/Esportividade)

Allianz Parque em 14 de outubro de 2014 (Andrei Spinassé/Esportividade)

Quem se sentar na última fileira do Allianz Parque e em uma posição central não terá boa visibilidade dos telões: um será totalmente invisível; ver grande parte do outro não será possível justamente por causa de uma sobreposição de telões. Na foto acima pode-se observar isso.

Cadeira menos confortável

Cadeira com menos conforto (Andrei Spinassé/Esportividade)

Cadeira com menos conforto (Andrei Spinassé/Esportividade)

Diferentemente das cadeiras dos lugares mais nobres do novo estádio palmeirense, as dos setores de ingresso mais barato não são acolchoadas. A imagem acima mostra um assento do anel superior.

Área polivalente

Área multiuso (Andrei Spinassé/Esportividade)

Área multiúso (Andrei Spinassé/Esportividade)

Foi criada uma área atrás de um dos gols sem cadeiras permanentes para que seja possível a colocação de mesas para shows da modalidade anfiteatro.

Piscinas

Piscinas do Palmeiras (Andrei Spinassé/Esportividade)

Piscinas do Palmeiras (Andrei Spinassé/Esportividade)

O Allianz Parque acaba e começam as piscinas do Palmeiras. Ainda é possível, portanto, chamar uma das traves de “da piscina”. Mas para serem vistas só dos corredores superiores. Das arquibancadas não se pode mais avistá-las.

Banheiros

Paredes dos banheiros (Andrei Spinassé/Esportividade)

Paredes dos banheiros (Andrei Spinassé/Esportividade)

As representações de homens e mulheres nas paredes dos banheiros ficaram simples e, ao mesmo tempo, funcionais. Podem ser vistas de longe.

Outro tom de verde

Corredor do anel superior (Andrei Spinassé/Esportividade)

Corredor do anel superior (Andrei Spinassé/Esportividade)

O verde escuro predomina no corredor do térreo do Allianz Parque; mas, no anel superior, a cor escolhida para as paredes foi o verde limão.

Leia também:
Paul McCartney confirma show no Allianz Parque, marcado para 25/11
Evento-teste do belo Allianz Parque deixa à mostra lado feio: trânsito difícil

Comentários


  • airton silva disse:

    Esqueci de dizer que somos de mogi das cruzes, que horas temos que chegar e se tem local para comer,e qual é o melhor local para assistir o jogo, Obrigado

  • Deixe seu comentário