São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Esporte 16/04/2021

Academias de ginástica e parques de São Paulo são reabertos em 24 de abril

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

Academia: uso de máscara é obrigatório (foto por freepik – br.freepik.com)

Observação (feita às 16h27 de 7 de maio de 2021): academias de São Paulo ficam abertas por mais tempo a partir de 08/05.

Observação (feita às 15h08 de 30 de abril de 2021): centros esportivos municipais e CDCs de São Paulo passam a funcionar por 10h.

Observação (feita às 18h de 28 de abril de 2021): horário das academias de ginástica de SP é ampliado; o dos parques, mantido.

Observação (feita às 11h18 de 23 de abril de 2021): parques e centros esportivos de São Paulo são reabertos neste sábado (24).

Observação (feita às 19h40 de 23 de abril de 2021): as ciclofaixas de lazer de São Paulo voltam a ser montadas neste domingo, 25 de abril de 2021.

Observação (feita às 9h23 de 26 de abril de 2021): parques de Guarulhos e São Bernardo do Campo têm horários mais restritos que os de São Paulo.

As academias de ginástica do estado de São Paulo poderão voltar a funcionar no dia 24 de abril de 2021, sábado, quando será iniciada a segunda etapa da chamada fase de transição do Plano São Paulo, em que as atividades presenciais do setor de serviços serão retomadas. Elas estão autorizadas a operar por oito horas – entre 6h e 19h – com ocupação máxima de 25% da total. No dia 30 de abril, o governo estadual anunciará novas medidas.

Os parques e os centros esportivos também serão reabertos no dia 24 de abril, sábado. Estão fechados desde o dia 6 de março de 2021. Os parques municipais da capital e os estaduais urbanos vão operar diariamente das 6h às 18h.

Já os centros esportivos municipais paulistanos vão estar abertos das 6h às 14h. Nos clubes da comunidade (os CDCs), o administrador do espaço poderá decidir o horário de abertura (desde que funcione 8h por dia e encerre as atividades às 19h).

Para tomar essa decisão de flexibilização neste momento, o governo estadual disse ter ouvido demandas de setores comerciais e considerado a queda de indicadores da pandemia de covid-19 – casos, internações e leitos de UTI ocupados – iniciada com a implementação da fase emergencial, em 15 de março. O número de mortos ainda é elevadíssimo.

A taxa de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva é de 85,3% no estado – 83,3% na região metropolitana de São Paulo.

Leia também:
Esportividade completa 8 anos e inspira coleção de camisetas casuais esportivas

Comentários


  • Meire BRAGIL disse:

    Parques sim ,,para caminhada ,andar de bike
    Academia não

  • Deixe seu comentário