São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Futebol 02/08/2022

Como os jogos MMO mantêm sua popularidade e servem ao esporte real

Por Esportividade

Celular em mãos para jogar (Pexels por Pixabay)

Os jogos de MMO ou MMORPG (“jogo multijogador massivo online”) existem desde 1991. É natural, no entanto, questionar como essa modalidade tem aumentado e mantido sua popularidade. Seu formato típico de browser foi ajustado para celulares, atraindo um número maior de jogadores e competindo com outros gêneros de jogos – o que assegura sua fatia no mercado dos aplicativos e mantém seu renome.

Evolução dos eSports

Um dos aspectos responsáveis pela popularidade dos MMO é a semelhança dos cenários com a vida real, o que é decorrente da evolução tecnológica da realidade virtual ao longo do tempo. Muitas vezes são simulados ambientes e locais reais, o que gera uma proximidade virtual e faz com que o jogador experimente “de modo real” o jogo.

Além disso, vão surgindo cada vez mais jogos mmorpg e de diferentes tipos, com destaque para o crescimento de competições de eSports. Entre os vários tipos de MMORPG é possível encontrar o modo de sobrevivência, em que o jogador precisa se manter vivo e coletar recursos enquanto enfrenta outros jogadores. Já os MMORPG de coleção tratam da obtenção de itens, batalhas e personagens para subir de nível. O modo de sandbox, por sua vez, oferece a manipulação de um mundo aberto entre os múltiplos jogadores.

Videogames de futebol e semelhança com a realidade

Os jogos MMO também podem servir como uma plataforma de treino e colaboração para equipes, com simulação de situações e atividades em ambiente digital e controlado. Os games de futebol são um dos exemplos mais conhecidos, já que possibilitam essa realidade nos vários modos de jogo focados em treinamentos personalizáveis.

Diversos goleiros de futebol, como o italiano Marco Amelia, utilizaram games de futebol para simular sua estratégia e tática em campo – o ex-jogador alegou ter defendido um pênalti de Ronaldinho Gaúcho após ter entendido o seu modo de finalizar por meio do videogame.

O jogador do Liverpool Diogo Jota, português, também afirma que sua paixão pelos games permite desenvolver perspectivas diferentes fora de campo e, assim, testar essas habilidades com sua equipe nos gramados. Jota participa de campeonatos de videogames de futebol, tendo vencido no ano passado o torneio online dos famosos do Fifa 21.

Componentes social e competitivo

O elemento essencial dos jogos MMO é o seu componente social, uma vez que os jogadores podem se conectar no mesmo jogo e compartilhar a experiência, colaborando e comunicando entre si objetivos e táticas. Podem, assim, criar em equipe maneiras diferentes de jogar e alcançar a vitória – a cooperação e a comunicação são essenciais nessa modalidade.

A dinâmica social impulsiona um crescimento constante dos torneios de eSports, que ganham cada vez mais relevância e notoriedade. Esse modo de competição tem motivado a criação de equipes profissionais de gaming, atraindo novas audiências – sua popularidade também capta investimentos de patrocinadores famosos, como ocorre no esporte praticado fora dos videogames.

Apesar de as tendências de jogo mudarem frequentemente, os jogos MMO mantêm uma constante adesão de entusiastas. A semelhança com a realidade também atrai jogadores que procuram uma proximidade maior entre a vida real e os cenários representados nos jogos. O aspecto social é essencialmente o motor dessa modalidade, centrada na interação entre os jogadores e permitindo o desenvolvimento de equipes e comunidades.

Deixe seu comentário


Enviando esse comentário estou ciente da política de privacidade deste SITE JORNALÍSTICO.