São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS

Parques e centros esportivos de São Paulo têm horário expandido na Amarela

Por Esportividade

Parque da Aclimação: corredora e cão (Esportividade)

Observação (feita às 10h15 de 1º de março de 2021): parques e centros esportivos municipais de São Paulo têm horário reduzido após regressão à fase Laranja.

O avanço da região metropolitana de São Paulo à fase Amarela do Plano São Paulo, anunciado nesta sexta-feira, 5 de fevereiro de 2021, vai fazer a Secretaria Municipal do Verde do Meio Ambiente da capital ampliar o horário de funcionamento de parques a partir desta segunda-feira (8). Neste fim de semana, dias 6 e 7, estarão em operação das 6h às 18h ainda.

Aclimação, Independência e Carmo, por exemplo, estarão abertos das 6h às 20h, enquanto o Ibirapuera vai ser fechado às 22h, abrindo às 6h também. Para conferir a lista completa de parques e os respectivos horários, clique aqui. Já os novos dos estaduais, como Horto Florestal e Villa-Lobos, podem ser conferidos clicando aqui.

Como a pandemia de covid-19 ainda está em curso, o uso de máscara é obrigatório – mesmo durante a prática esportiva.

CEs e CDCs

Parque das Bicicletas, centro esportivo municipal (Seme/Divulgação)

A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer de São Paulo (Seme) anunciou que os centros esportivos municipais e os clubes da comunidade (os CDCs) estarão abertos a partir deste sábado (6) durante 10 horas por dia. A ocupação máxima será de 40% da total. Somente estão permitidas atividades individuais (caminhadas e corridas). As aulas estão proibidas.

Funcionarão das 6h às 6h agora: Ceret, parque das Bicicletas, Centro Esportivo Jardim São Paulo, Centro Esportivo Ermelino Matarazzo e Modelódromo do Ibirapuera. Os demais CEs ficam abertos das 7h às 17h.

Os centros esportivos de Mooca, Santana, Tietê, Santo Amaro e Barra Funda ainda estão fechados ao público. São atualmente utilizados para o acolhimento de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Os CDCs também voltarão a funcionar por dez horas diárias a partir deste sábado (6), sendo o fechamento obrigatório às 22h. O coordenador do CDC poderá decidir se o equipamento pode ficar mais tempo aberto pela manhã ou à tarde.

Deixe seu comentário