São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Corrida de rua 30/09/2014

Premiado em concurso atinge objetivo e estabelece nova meta: a maratona

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade
Marcelo Lacerda (de azul claro) conclui prova no Ipiranga (Oficina do Movimento)

Marcelo Lacerda (de azul claro) conclui prova no Ipiranga (Oficina do Movimento)

O concurso cultural “Fotografe o movimento” não distribuiu brindes nem dinheiro, mas sim conhecimento. E com a ajuda de seu prêmio Marcelo Lacerda pôde alcançar o tempo que tinha como meta na etapa paulistana do Circuito da Longevidade de domingo passado, 28 de setembro, na região do parque da Independência, no Ipiranga.

Antes da largada, Marcelo dizia querer chegar ao fim dos 6 km em menos de 30 minutos. Foi bem-sucedido: completou o percurso em 29min49s. No ano anterior, havia feito 31min01s em um trajeto similar.

Marcelo foi premiado com três sessões de treinamento personalizado com a orientação de Aline Chrispan, da assessoria esportiva Oficina do Movimento. “Era fundamental ele entender o alongamento, o aquecimento, o processo de preparo para a corrida”, disse a educadora física. “Por exemplo, repassei para ele no primeiro e no segundo treinos os exercícios educativos [clique aqui e saiba o que são], expliquei por que precisam ser feitos, qual é o objetivo de cada um.”

“Para ele foi novidade a avaliação cardiorrespiratória. Apliquei o ‘teste de ioiô’, que avalia o VO2 máximo, nos treinos inicial e final. E o Marcelo mostrou uma evolução. Entre um treino e outro lhe enviei uma planilha, conversamos por e-mail, e ele foi tentando seguir o planejamento conforme o tempo disponível. O que foi bacana foi essa parte educacional, foi ele ter uma experiência com orientação um pouco mais direcionada.”

O corredor amador não é nenhum novato nas provas pedestres. Já tem em seu currículo duas edições da São Silvestre – em 2013 a completou em 1h26min36s – e duas da Meia Maratona de Campinas, por exemplo. Treina durante a semana na esteira da academia e aos fins de semana na Cidade Universitária paulistana, encarando às vezes a subida da biologia.

Marcelo Lacerda exibe medalha após completar 6 km no Ipiranga (Oficina do Movimento)

Marcelo Lacerda exibe medalha após completar 6 km no Ipiranga (Oficina do Movimento)

Apesar de ter somente 6 km, o percurso da prova no Ipiranga não é dos mais fáceis: a largada é em subida, e outra subida antecede a chegada aos 4 km. “O momento mais difícil foi a largada, onde precisei ultrapassar as pessoas; muitas acabam andando na subida. Mas corrida é isso”, afirmou Marcelo.

O objetivo dele agora é disputar uma maratona (42,195 km), mas sabe que, para isso, terá de treinar mais, se dedicar à corrida três ou quatro vezes por semana. “Para chegar à maratona falta treino mesmo, de 20 km, de 30 km… Dizem que, na maratona, quando você chega aos 30 km você vê se está bem ou não, o corpo começa a sentir bastante”, declarou.

Alongamento conduzido por Aline Chrispan antes de prova (Oficina do Movimento)

Alongamento conduzido por Aline Chrispan antes de prova (Oficina do Movimento)

A educadora física Aline comenta: “Para fazer uma maratona ele tem de se preparar pelo menos com oito meses de antecedência. Ele pode começar treinando três vezes por semana, mas, faltando uns três meses para a prova, o volume sobe para quatro, o que cumpriria o objetivo. O mais importante é que se faça uma periodização correta”.

“Fotografe o movimento” foi uma iniciativa de Esportividade, responsável pela divulgação, e Oficina do Movimento, que cuidou dos treinos e acompanhou de perto Marcelo na prova do Circuito da Longevidade.

Leia também:
Assista a depoimento de corredor de rua contemplado com treinamento
Orientação de profissional favorece evolução gradual de corredores de rua
Corrida de rua: envie foto e concorra a um acompanhamento personalizado

Deixe seu comentário


Enviando esse comentário estou ciente da política de privacidade deste SITE JORNALÍSTICO.