São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Vida em movimento 09/09/2013

Você sabe como levar qualidade à sua vida na metrópole e no trabalho?

Por Aline Chrispan

e

É comum a associação entre a cidade e o estresse. O mesmo ocorre com o trabalho e as longas jornadas nos escritórios. Diante desses cenários, logo vem à mente a ideia de uma vida apressada, sem tempo para uma limpeza do corpo e da mente. Mas quem disse que é preciso viver assim? Com disciplina e pequenas mudanças de hábito, é possível, sim, gerar qualidade à vida de quem está mergulhado nos grandes centros.

Quando o assunto é atividade física, o pensamento mais frequente é que devemos praticá-la durante o tempo livre, de forma programada e, se possível, na academia ou outro local apropriado. Efetivamente, se feita dessa forma, o indivíduo adquire benefícios mais significativos ao longo do tempo, além do prazer por estar em locais agradáveis.

Mas a questão é que o deslocamento até o trabalho é bem maior quando comparado ao tempo livre e, assim, muitas pessoas passam aproximadamente nove horas em posturas com pouca movimentação ou até mesmo sentadas. Existem também aqueles que atuam em áreas operacionais e, portanto, sofrem desgaste físico intenso durante a execução de suas funções.

Abaixo, você encontra uma série de dicas para encontrar saúde em meio ao agito da metrópole e à rotina dos escritórios. Gradualmente, incorpore uma a uma ao seu cotidiano e sinta como sua vida será beneficiada.

  • Durma bem: busque otimizar a qualidade de suas horas de sono. Evite trabalhar na cama, ler documentos do trabalho ou esperar o sono vendo TV. Distrações ao deitar podem prolongar o tempo acordado ou remeter a um sono mais conturbado.
  • Café da manhã, sim! Não saia de casa em jejum e opte por leite, suco, frutas ou cereais. Mesmo que você pense não ter fome, acredite: o corpo precisa da energia dos alimentos ao acordar.
  • Vai um lanchinho? Organize-se para pequenos lanches ao longo do dia. Procure ir ao supermercado uma vez por semana e separe porções de biscoitos, frutas, barrinhas ou cookies.
  • Hidrate-se: beba água durante todo o dia.
  • Durante o expediente, movimente-se na cadeira ou mesmo em pé. Recorde algum alongamento e relaxe as áreas do corpo mais sobrecarregadas.
  • Não permaneça longos períodos em uma mesma posição e procure levantar a cada hora para ir ao banheiro, tomar água no bebedouro ou mesmo dar uma pequena volta dentro de sua sala ou setor.
  • O horário de almoço pode ser aproveitado para realizar caminhadas curtas. Não perca tempo, então, e mexa-se.
  • Acumule 30 minutos de atividade física diariamente: pequenas caminhadas de dez minutos ao longo do dia já resolvem.
  • Atividade física regular: para melhorar o condicionamento físico, treinos regulares duas vezes por semana, uma hora por sessão.
  • Crie o hábito de fazer prevenção de saúde e visite seu médico antes de precisar. Evite surpresas desagradáveis.
  • Cultive momentos de lazer: ouça música, leia algumas páginas de um livro.
  • Mas também aprecie o silêncio: feche os olhos por alguns minutos e respire com atenção.
  • Passe momentos em espaços abertos, à luz do dia, na rua ou em parques próximos ao seu trabalho ou residência.
  • Dica final: lembre-se de que o corpo precisa de movimento para manter a saúde. Movimente sua vida.

Sobre Aline Chrispan

É educadora física, especialista em fisiologia do exercício pela Unifesp e mestranda em ciências da saúde (Fundação Antônio Prudente). À frente da assessoria esportiva Oficina do Movimento, coordena projetos de qualidade de vida em empresas e condomínios. Nesta coluna, abordará temas que envolvam saúde e bem-estar, incentivando a adoção do movimento como forma de se viver bem. Acesse o site e saiba mais sobre a Oficina do Movimento: www.oficinadomovimento.com.br.

Deixe seu comentário


Enviando esse comentário estou ciente da política de privacidade deste SITE JORNALÍSTICO.