São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS
Futebol 22/04/2014

Copa: retirada de ingressos tem histórias de grande sorte e viagens

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade
Fila para retirada de ingressos no complexo onde fica o ginásio do Ibirapuera

Fila para retirada de ingressos no complexo onde fica o ginásio do Ibirapuera

Quem foi ao Conjunto Desportivo Constâncio Vaz Guimarães em 18 de abril, sexta-feira passada, com a intenção de retirar seus ingressos da Copa do Mundo encontrou um ambiente tranquilo, em que até houve troca de figurinhas em ambos os sentidos: o literal, as do álbum da Copa, e o figurado, referente às conversas. Existiam pessoas mais sortudas ou menos sortudas, mas cada uma tinha uma história para contar sobre a compra de bilhetes e os planos para o Mundial de futebol que está por vir.

Felipe Rodrigues, morador de Mogi das Cruzes, está na categoria dos com bastante sorte. O bancário disse ter conseguido comprar ingressos para os seis jogos em São Paulo e também para a final no Maracanã. “Solicitei tudo de uma vez só na primeira fase. Só a semifinal consegui depois. Foi muita sorte. Vamos pegar aqui [as entradas] para termos a certeza de que é verdade”, afirmou o torcedor, corintiano fanático.

Quem ainda conta com a sorte é Adriano Geraldelli. O advogado espera ver Espanha x Brasil nas oitavas de final, em Fortaleza, em 29 de junho. Para tanto, a seleção brasileira precisa ser a segunda colocada do Grupo A e a espanhola tem de liderar o B. “Nós fazemos uma coisa um pouco diferente: prevemos ver Brasil x Espanha nas oitavas de final. Infelizmente torceremos para o México ganhar do Brasil para depois podermos ver essa partida lá em Fortaleza”, declarou. Adriano mora em Guaxupé, no sul de Minas Gerais, e viajou 300 km até São Paulo com seu cunhado no feriado especialmente para retirar os ingressos.

Sobre viagens, João Pedro de Sousa, 18 anos, já tem um esquema definido. O estudante de administração obteve ingressos para Brasil x Croácia, jogo de abertura, e para a final no Maracanã ainda na primeira fase de vendas. O morador de Guarulhos contou: “Não vou reservar hotel no Rio de Janeiro – não tem condições, hotéis lá estão muito caros. Planejo ir de avião e voltar de ônibus. Não vai compensar ir e voltar de avião, pois muita gente vai querer voltar de avião”.

Vaiajará para Belo Horizonte e Porto Alegre Iury Cesar Alves, que mora em Santana, zona norte de São Paulo. Ele ainda verá Holanda x Chile e Bélgica x Coreia do Sul na Arena Corinthians. No Mineirão, assistirá a Bélgica x Argélia. “Até parece que sou torcedor belga…”, brincou. Também acompanhará de perto Nigéria x Argentina no Beira-Rio. Questionado sobre por que quis ir com seu pai retirar os ingressos no primeiro dia e no primeiro horário, respondeu:  “Copa do Mundo é um evento único. Não é um simples jogo que veremos. Penso que todos que os estiverem presentes entrarão para a história e poderão contar para os filhos e netos”.

Havia estrangeiros na fila para a retirada de bilhetes. Os portugueses Sofia Rodrigues, jornalista, e Ricardo Lopes, arquiteto, explicam por qual motivo estavam lá: “Vamos a Portugal x Gana em Brasília. Chegamos ao Brasil há uma semana e ficaremos pelo Brasil, não sabemos se em São Paulo ou Rio de Janeiro. Viemos ao casamento de uns amigos e vamos ficar para trabalhar até depois desta Copa”. Ricardo aposta no meia João Moutinho como jogador que, ao lado de Cristiano Ronaldo, brilhará por Portugal no evento de junho e julho.

Leia também:
Evite dor de cabeça: confira bem os ingressos da Copa-2014 ao retirá-los
Fifa diz haver possibilidade de “longas filas” para quem não agendar retirada
Copa-2014: torcedores poderão retirar ingressos no ginásio do Ibirapuera

Deixe seu comentário


Enviando esse comentário estou ciente da política de privacidade deste SITE JORNALÍSTICO.