São Paulo - região metropolitana
BUSCA
DE EVENTOS
BUSCA DE EVENTOS

Mesmo com pandemia, Virada Esportiva-2020 de São Paulo está programada

Por Andrei Spinassé, editor do Esportividade

Tirolesa no Vale do Anhangabaú, a partir do viaduto do Chá, em 2016 (Esportividade)

Apesar da pandemia de covid-19, doença ocasionada pelo novo coronavírus, a cidade de São Paulo deu o primeiro passo para a realização da Virada Esportiva de 2020, prevista para os dias 5 e 6 de dezembro, uma semana depois do segundo turno da eleição municipal. Por meio de um chamamento público, a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer busca obter propostas de organizações da sociedade civil. A pasta reservou R$ 2.973.000,01 para o repasse às entidades que oferecerem à população atrações durante o evento.

No projeto, a entidade terá de apresentar uma combinação de modalidades, como uma atividade esportiva e uma lúdica, uma atividade radical e uma recreativa, a serem desenvolvidas no fim de semana da Virada. É facultativa a proposição de atividades contínuas durante a madrugada.

O edital quase não menciona a pandemia, mas existe um trecho a respeito do limite de idade de quem for participar da 14ª edição da Virada Esportiva: “Acima de 59 anos não será contemplado devido à pandemia do covid-19”.

Somente em uma parte do documento há menção a protocolo: “[A entidade deve] incluir o protocolo sanitário e prever todos os necessários para o atendimento da modalidade de forma segura e preservando a segurança e a proteção dos munícipes e dos trabalhadores do evento”.

Um ranking dos proponentes será elaborado após a avaliação de uma comissão, e serão escolhidas pela secretaria as organizações da sociedade civil mais bem pontuadas.

Enquanto isso, os parques…

Por enquanto, não existe perspectiva de reabertura dos parques aos fins de semana; em dias úteis, a maioria dos municipais já funciona em horário normal.

Comentários


  • Este é uma ótimo sinal, para a corrida Sargento Gonzaguinha. ou seja aumenta a chance de ocorrer.

  • Dario Mello disse:

    Além de incoerente, o chamamento beira o absurdo … Só para ter uma ideia Andrei, cheguei a enviar Nota de Repúdio à SEME em virtude da total ausência de iniciativas nas ações de enfrentamento do COVID-19 e ainda, pelo descaso no trato das politicas publicas para o esporte, afinal, tornou-se uma pasta municipal omissa, despreparada e com gestores públicos comissionados que desconhecem totalmente os critérios na análise dos projetos em respeito ao ordenamento jurídico vigente … Sinceramente, era de se esperar esse Chamamento Público, pois comprovam a incapacidade e uma falta bom senso que beira a imoralidade … Lamentável mesmo … Desculpe o desabafo, rsrsrs Abraço Andrei !

  • Deixe seu comentário